Violação de dados

Segurança Antifraude 26 de Dez de 2023

O que é violação de dados e por que ela é tão perigosa?

Em um mundo cada vez mais digital, onde a informação é um ativo valioso, a proteção de dados torna-se crucial. Periodicamente, as empresas falham nesse quesito, descuidam-se da segurança de dados e abrem espaço para os ciberataques dos mais diversos tipos.

Todas as empresas – pequenas e grandes – são alvos diários de tentativas de violação e roubo de dados. Cada vez mais, elas precisam ligar o alerta máximo e se antecipar às ciladas que são preparadas o tempo todo. Dessa forma, uma postura atenta é importante para evitar danos, que podem ir desde pequenos aborrecimentos a grandes prejuízos financeiros.

O que é violação de dados?

A violação de dados ocorre quando informações confidenciais são acessadas, divulgadas, alteradas ou destruídas sem autorização. Isso pode acarretar danos pessoais e financeiros.

Ou seja, informações que foram confiadas a uma empresa são acessadas de forma fraudulenta, para fins geralmente nocivos. Assim, chegam a afetar tanto indivíduos quanto organizações, resultando em sérias implicações legais, financeiras e reputacionais.

Consequências legais

Uma das consequências mais imediatas e graves para empresas que sofrem violações de dados são as implicações legais. Muitos países implementaram leis rigorosas de proteção de dados, como a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) que foi implementada no Brasil.

A legislação brasileira segue a mesma rigidez das leis na Europa e Estados Unidos que tratam da privacidade do usuário. Empresas que não cumprem as regulamentações definidas na lei estão sujeitas a penalidades e multas de alto valor.

As penalidades e multas podem variar com base na gravidade da violação e na quantidade de dados afetados. Além disso, as organizações podem enfrentar processos judiciais movidos por clientes prejudicados, resultando em indenizações de elevado valor.

A reputação da empresa também pode ser prejudicada, o que pode ter impactos duradouros no relacionamento com clientes e parceiros comerciais.

Perda de confiança do cliente

A confiança do cliente é um ativo valioso que leva tempo para ser construído e pode ser destruído em questão de minutos após uma violação de dados. Quando os clientes descobrem que suas informações pessoais foram comprometidas, a confiança na empresa é imediatamente abalada.

Clientes preocupados com a segurança de seus dados podem optar por abandonar os serviços da empresa, buscando alternativas que ofereçam garantias mais sólidas de proteção de informações. Com a ascensão das redes sociais e das avaliações online, a má reputação pode se espalhar rapidamente, ampliando os efeitos negativos para a empresa.

Logo, a marca pode sofrer danos irreparáveis, resultando na perda de clientes e na dificuldade de atrair novos.

Impacto financeiro

Além das multas legais e da perda de receita devido à fuga de clientes, as empresas também enfrentam custos financeiros associados à recuperação após violação. Isso inclui investimentos em medidas de segurança adicionais, contratação de especialistas em cibersegurança e a implementação de sistemas mais avançados para prevenir futuros incidentes.

A interrupção operacional durante a investigação e resolução de uma violação de dados também contribui para o impacto financeiro. As empresas podem sofrer perdas significativas devido à paralisação temporária das operações, especialmente se os sistemas críticos forem comprometidos.

Riscos para a propriedade intelectual

Além dos dados do cliente, muitas empresas possuem informações confidenciais relacionadas à propriedade intelectual, processos de negócios e estratégias de mercado. Eventuais violações de dados que envolvem a exposição dessas informações podem resultar em perdas substanciais e colocar a empresa em desvantagem competitiva.

Assim, empresas que dependem fortemente de segredos comerciais e inovação estão particularmente em risco uma vez que a perda de informações estratégicas pode comprometer a posição da empresa no mercado e afetar sua capacidade de inovar e se destacar.

Como evitar violações de dados?

A prevenção de violações de dados é fundamental para proteger os interesses das empresas e manter a confiança dos clientes. Algumas medidas essenciais incluem:

· Criptografia de dados;

· Atualizações regulares de segurança;

· Treinamento de funcionários;

· Cultura de cuidados com os dados, ativo importante da empresa;

· Controle de acesso: cada indivíduo acessa só o que lhe compete;

· Monitoramento contínuo;

· Backup regular;

· Busca de assistência especializada;

· Acompanhamento periódico por empresa especializada em segurança de dados.

Solução corporativa com melhor custo-benefício do mercado

A PH3A Tecnologia da Informação tem um dos maiores e mais atualizados Big Datas do Brasil e ferramentas integradas inteligentes. Na área de segurança antifraude de dados, a empresa desenvolveu o DataMind, que atua com a inteligência de workflows.

Os workflows são módulos sequenciais de validação de dados. Isso significa que a ferramenta faz cruzamento de dados e conferências automáticas para validar informações e minimizar as chances de violação de dados, fraudes e prejuízos às empresas.

Dessa forma, o DataMind passou a ser uma das melhores soluções de mercado, inclusive utilizada por fintechs e bancos. Isso se dá pela sua eficácia na proteção de dados, e investimento relativamente baixo para sua implantação, criando uma ótima solução no critério custo-benefício.

.....

Em resumo, a violação de dados representa uma ameaça significativa para as empresas, com consequências que vão além das implicações financeiras. A reputação, a confiança do cliente e até mesmo a posição competitiva no mercado podem ser severamente impactadas.

Logo, investir em sistemas robustos de segurança cibernética e estar em conformidade com as leis de proteção de dados são passos importantes para evitar riscos e manter uma rotina segura de uso de dados.

DataMind
Conheça o DataMind, o mais completo sistema de proteção antifraude de dados do mercado. Estruturado na inteligência “workflow”, o DataMind trabalha de forma permanente com cruzamento e validação de dados. Assim, confirma transações ou acusa inconsistências de forma automática. Para garantir uma rotina de operações seguras, o DataMind é integrado do Big Data da PH3A, um dos maiores e mais atualizados do Brasil. Maximize sua proteção de dados!

Para saber mais sobre os produtos da PH3A Tecnologia, clique aqui.

Adriano Cortês

Jornalista, designer e produtor de conteúdo, atua no segmento de tecnologia de dados e empreendedorismo digital.

Marcadores

Ficou alguma dúvida?
Marque uma reunião conosco!

Enviado

Obrigado pelo contato.
Em breve nós entraremos em contato.

Digite um nome válido
Digite um sobrenome válido
Digite uma data de nascimento
Digite um nome empresarial válido
Digite um e-mail válido
Digite um telefone comercial válido
Digite um telefone celular válido
Selecione um cargo
Selecione um departamento
Escolha um produto
Por favor digite uma mensagem